Os 7 pecados mortais das fotos profissionais

As fotografias estão em todo o lado e são cada vez mais utilizadas como expressão da nossa marca pessoal e profissional.

Mas há algumas regras a ter em conta quando escolhemos uma foto para um CV ou para o perfil do Linkedin...

Liberte-se das dúvidas de uma vez por todas

Nesta altura de resoluções e planos novos para estrear o ano, vem mesmo a jeito falar do diabinho sorrateiro que estraga a festa toda.

Lá para meados de Janeiro, depois de passar a excitação toda que os planos naturalmente nos dão, e depois do corpo processar todo o açúcar das coisas boas que comemos (e bebemos) na época natalícia, de forma lenta, mas segura, começa a aparecer a auto-dúvida.


Luzes, câmara, acção!

De volta, depois de uma constipação brutal (fruta da época) ainda não completamente curada, venho partilhar uma das resoluções para o novo ano.
Ficou decidido, entre mim e os deuses, que 2015 seria o ano da acção.

Uma Arvore de Natal diferente do habitual

Eu a-d-o-r-o o Natal.

Sei que está na moda não gostar nada, mas sou assumidamente démodé.

No entanto, contra todas as expectativas, este ano não estava com vontade absolutamente nenhuma de montar a árvore de Natal habitual (que por estes lados é rosa choque, como não podia deixar de ser…).
Imagem cortesia destes senhores


Como construir uma marca pessoal: parte 2

O processo de construção da marca pessoal é bastante simples, apesar de não ser fácil.

Já vimos que em primeiro lugar, como qualquer bom vendedor tem que conhecer o seu produto, temos que ser capazes de responder à pergunta: Quem sou eu?

O segundo passo, passa por definir quem quero ser, uma vez que quem queremos ser também faz parte de quem nós somos.
Temos que encontrar a resposta à pergunta: "O que queres ser quando fores grande?"
photo credit: Eneas via photopin cc

Como manter as resoluções de ano novo até Março (pelo menos...)

Nesta época natalícia/final de ano, é habitual começamos com os planos para os 365 dias que aí vêm.

É curioso como a mente humana funciona toda (mais ou menos) da mesma forma:

  • as grandes "mudanças" de vida têm que começar em Janeiro;
  • as dietas têm que começar à segunda-feira.

Eu sou grande adepta das resoluções de ano novo. Costumo tê-las todos os meses. O problema é que raras são as resoluções que tomo em Janeiro que chegam até Fevereiro.
Em 2014, contra todas as expectativas houve duas resoluções que consegui cumprir durante o ano inteiro.
photo credit: eccampbell via photopin cc